Arquitetura em forma de dança contemporânea
  • Contraespaço | FOTO: Eric Gomes
    img
  •        
  • Contraespaço | FOTO: Eric Gomes
    img
  •        
  • Contraespaço | FOTO: Eric Gomes
    img
  •        
  • Contraespaço | FOTO: Eric Gomes
    img
  •        
  • Contraespaço | FOTO: Eric Gomes
    img
  •        
  • Contraespaço | FOTO: Eric Gomes
    img
  •        

O bailarino e pesquisador Claudio Lacerda apresenta o espetáculo Contraespaço neste sábado (19), no Orbe Coworking, no Recife 

Neste sábado (19), às 19h, no Orbe Coworking (Recife), o bailarino Claudio Lacerda apresenta com os bailarinos Jefferson Figueirêdo, Juliana Siqueira, Orunmillá Santana e Stefany Ribeiro, a pesquisa em dança Contraespaço, inspirada pela instigante arquitetura de Zaha Hadid, em estado bruto, antes de se transformar em espetáculo. Na ocasião, com entrada gratuita, eles irão dançar, compartilhar leituras de alguns autores e conversar sobre o processo.

O ponto de partida do projeto Contraespaço é a relação entre dança contemporânea e arquitetura, mais especificamente a obra de Zaha Hadid,  arquiteta iraquiana radicada na Inglaterra. Seus trabalhos radicais, ora cheios de curvas, ora com arestas pronunciadas convergentes e divergentes, com grandes espaços vazados e dissoluções entre verticalidade e horizontalidade, têm um estado de fluidez e complexidade sem cortes e seguem meticulosos processos criativos. “As obras de Hadid têm nos afetado corporalmente”, comenta Claudio.

Durante o processo da pesquisa, o grupo recebeu a visita de consultores convidados, como Arnaldo Siqueira, Gentil Porto Filho e Jonatas Ferreira, que assistiram os ensaios e trocaram impressões a partir de suas áreas de conhecimento (dança, arquitetura/artes visuais e filosofia, respectivamente). Dessa maneira, Contraespaço tem sido um processo de trocas, de encontros e de abertura, para ser surpreendido tanto por si mesmo, quanto pelo outro.

Na apresentação deste sábado, os participantes irão experimentar uma configuração especial com o público no oitavo andar do edifício Pernambuco. A pesquisa conta com o incentivo do Funcultura-PE e dá continuidade ao trabalho calcado na experimentação do coreógrafo Cláudio Lacerda, iniciado em 1997, integrando o projeto de doutorado do bailarino no Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas da Universidade Federal da Bahia (UFBA).

SERVIÇO
Quando: sábado, 19 de março de 2016
Horário: às 19h
Duração aproximada: 50 minutos
Onde: Orbe Coworking, Edf. Pernambuco (Av. Dantas Barreto, 324, 8º andar)
Classificação: Livre
Entrada: gratuita




Postado por


COMPARTILHE:

Sobre o autor
Maíra Passos

POSTS RELACIONADOS:

  • Caruaru ganha seu primeiro congresso de dança
    Caruaru ganha seu primeiro congresso de dança
  • Mundo ao redor da dança
    Mundo ao redor da dança
  • Pole dance made in Pernambuco é destaque em competições nacionais e internacionais
    Pole dance made in Pernambuco é destaque em competições nacionais e internacionais

Deixe um comentário

Mensagem