Bailarina pernambucana ganha bolsa em companhia do Canadá
  • Amanda Barros | FOTO: Divulgação
    img
  •        
  • Amanda Barros | FOTO: Divulgação
    img
  •        
  • Amanda Barros | FOTO: Heider Miranda
    img
  •        
  • Amanda Barros | FOTO: Divulgação
    img
  •        
  • Amanda Barros | FOTO: Brunno Martins
    img
  •        
  • Amanda Barros | FOTO: Heider Miranda
    img
  •        
  • Amanda Barros | FOTO: Brunno Martins
    img
  •        
  • Amanda Barros | FOTO: Divulgação
    img
  •        
  • Amanda Barros | FOTO: Divulgação
    img
  •        
  • Amanda Barros | FOTO: Divulgação
    img
  •        
  • Amanda Barros | FOTO: Divulgação
    img
  •        
  • Amanda Barros | FOTO: Divulgação
    img
  •        
  • Amanda Barros | FOTO: Heider Miranda
    img
  •        
  • Amanda Barros | FOTO: Heider Miranda
    img
  •        
  • Amanda Barros | FOTO: Brunno Martins
    img
  •        
  • Amanda Barros | FOTO: Brunno Martins
    img
  •        

Amanda Barros, formada na Escola do Teatro Bolshoi Brasil, vai estudar na Lamondance, em North Vancouver

Mais uma bailarina salta de Pernambuco para o mundo. A recifense Amanda Barros, que iniciou sua carreira na terra do frevo e, em 2012, aos 16 anos, foi selecionada para estudar na Escola do Teatro Bolshoi Brasil – publicamos a história dela lá atrás aqui –, ganhou bolsa de estudos na canadense Lamondance.

Ela é uma das mais renomadas companhias norte-americanas, localizada em North Vancouver, no Canadá, que Amanda embarca em novembro deste ano (2016). Apesar da animação para aprender na Lamondance, Amanda contou à Na Ponta do PÉ que está precisando de ajuda financeira para bancar sua estadia lá fora, pois os custos são muito altos.

Entre as ideias para arrecadar dinheiro, a bailarina criou perfil na Vakinha para receber doações. “Qualquer valor é bem-vindo, de verdade! O pessoal tem doado bastante já, mas ainda preciso arrecadar o valor mínimo estipulado para recebimento de quem já doou. E reforçando se cada um que visse doasse valor mínimo ajudaria muito, sem precisar “pesar” no bolso de ninguém!”. As doações podem ser feitas clicando aqui.

Boa sorte na nova etapa da sua carreira e continue representando nosso Pernambuco pelo mundo, Amanda! 😉




Postado por


COMPARTILHE:

Sobre o autor
Maíra Passos

POSTS RELACIONADOS:

  • Caruaru ganha seu primeiro congresso de dança
    Caruaru ganha seu primeiro congresso de dança
  • Mundo ao redor da dança
    Mundo ao redor da dança
  • Pole dance made in Pernambuco é destaque em competições nacionais e internacionais
    Pole dance made in Pernambuco é destaque em competições nacionais e internacionais

Deixe um comentário

Mensagem