Um mergulho nos ritmos das décadas de 30 e 50
  • Baby Jane | FOTO: Divulgação
    img
  •        
  • Baby Jane | FOTO: Divulgação
    img
  •        
  • Baby Jane | FOTO: Divulgação
    img
  •        
  • Baby Jane | FOTO: Divulgação
    img
  •        
  • Baby Jane | FOTO: Divulgação
    img
  •        
  • Baby Jane | FOTO: Divulgação
    img
  •        

Espetáculo Show de horrores de Baby Jane estreia nesta sexta (18), em Caruaru (PE)

Fechando o Festival Interno do TEA, nesta sexta (17), o espetáculo Show de horrores da Baby Jane traz ritmos e costumes das décadas de 30 e 50 para o Teatro Lício Neves, em Caruaru (PE), a partir das 19h, e de graça.

Após 6 meses de pesquisa e construção, a montagem contou com a consultoria da coreógrafa e dançarina, Relinda Lima (do Balé Popular Avelós e do Orí Cia da Dança) que proporcionou aos atores uma proveitosa vivência dos ritmos, movimentos e estilos de dança da década de 30, a era de ouro do rádio, com foco principal no Charleston (dança surgida na década de 20, para divertimento nos cabarés).

Com texto e direção de Túlio Duque, o elenco ainda conta com Lucyana Baptista, Herton Sanchez, David Gadelha, Duda Aguiar, Lana Pereira e José Neto. “Para o processo de criação, realizamos uma vasta pesquisa de época: música, dança, vestimentas, penteados, maquiagem, costumes, objetos de cena e etc. A compreensão do elenco dos ritmos é fundamental, pois utilizaremos no processo como ‘cimento’ das cenas. Tudo tem que está muito sincronizado”, afirma o diretor.

Apresentando a história de uma estrela-mirim falida e louca, o espetáculo que se passa entre as décadas de 30 e 50 é inspirado no livro What Ever Happened to Baby Jane?, de Henry Farrell. A classificação é livre.




Postado por


COMPARTILHE:

Sobre o autor
Maíra Passos

POSTS RELACIONADOS:

  • 50º espetáculo do Ballet Lúcia Helena D’Angelo
    50º espetáculo do Ballet Lúcia Helena D’Angelo
  • Studio de Danças apresenta o espetáculo Inspiração
    Studio de Danças apresenta o espetáculo Inspiração
  • Musical sobre Shrek ganha versão recifense
    Musical sobre Shrek ganha versão recifense

Deixe um comentário

Mensagem