Confira aula ao vivo do Ballet Blend, que mistura movimentos do balé clássico com ginástica localizada coreografada
  • Anninha Martins | FOTO: Rafael Marques
    img
  •        
  • Anninha Martins | FOTO: Rafael Marques
    img
  •        
  • Anninha Martins | FOTO: Rafael Marques
    img
  •        

A bailarina e profissional de educação física Anninha Martins, criadora do método, mostrou alguns exercícios para Na Ponta do PÉ, durante live

O Ballet Blend, criado pela bailarina e profissional de educação física Anninha Martins, mistura a nomenclatura e os passos do balé clássico com os exercícios da ginástica localizada coreografada. E para entender como funciona o método, Na Ponta do PÉ convidou a bailarina para mostrar alguns movimentos.

A nossa aula exclusiva foi durante transmissão ao vivo no Instagram (@canalnapontadope) e salva no nosso canal do YouTube! Durante a live, Anninha explicou que o Ballet Blend ajuda no condicionamento físico, fortalecimento, resistência muscular e flexibilidade. “É um trabalho metabólico com a repetição de exercícios diversificados dentro da musicalidade de 8, 16, 32 e 64 tempos”, disse.

Segundo a bailarina, o grande diferencial do método é o fato de ser uma aula estruturada e não circuitada. “A aula é coreografada o tempo todo, seja para os membros inferiores, superiores, abdômen, glúteos ou adutores. Um aluno pode queimar entre 300 e 500 calorias em até uma hora de aula, de acordo com as diferenças individuais biológicas ”, explicou Anninha.

As aulas começam com um aquecimento, seguido de sequências na barra – ou apoio de uma cadeira (plano alto e médio) – para os membros inferiores. Logo depois, no centro, são trabalhados os membros superiores (plano alto e médio) e, para finalizar, os exercícios específicos para glúteos, adutores e abdômen em plano baixo.

De acordo com a bailarina e profssional de educação física, não há necessidade de formação prévia em balé clássico, mas é recomendado a vivência de aproximadamente dois anos em alguma modalidade de dança e/ou outras atividades físicas. Desta forma, é um método que pode ser praticado por indivíduos de diferentes faixas etárias e gêneros.

AULAS ONLINE

Durante a pandemia do novo coronavírus, as aulas estão sendo ministradas pela própria criadora do método em um Estúdio Online. São três opções de planos: R$ 95,00 (mensal), R$ 90,00 (mensal na opção trimestral) e R$ 80,00 (mensal na opção semestral). Os têm acesso a cinco novas videoaulas, por semana, em área restrita para alunos no site do Ballet Blend.

ANNINHA MARTINS

Anninha Martins é formada em Dança pela Escola Artístico Cultural de Pirassununga (interior de São Paulo), bailarina certificada pela Royal Academy of Dance e possui formação em Pilates pela Physio Pilates. Também é graduada em Educação Física na Universidade Estadual Paulista (UNESP), com especialização em psicomotricidade motora na UNICAMP e pós-graduada em fisiologia do exercício pela Escola de Medicina da Universidade de São Paulo.

Já atuou como bailarina no Balé da Cidade de São Paulo e na Companhia de Dança de Ismael Guiser. É professora de dança há mais de 25 anos e, atualmente, também atua como personal trainer. Em 2017, criou o seu próprio método de dança: Ballet Blend, aula que mescla os princípios do ballet com a ginástica localizada coreografada, muito usada na década de 90.




Postado por


COMPARTILHE:

Sobre o autor
Maíra Passos

    ÚLTIMOS POSTS:

    • Para falar de balé clássico, bailarina e publicitária criou um “Mundo Bailarinístico”
      Para falar de balé clássico, bailarina e publicitária criou um “Mundo Bailarinístico”
    • Primeira pós-graduação em Ensino do Balé Clássico do Brasil inicia em novembro
      Primeira pós-graduação em Ensino do Balé Clássico do Brasil inicia em novembro
    • Cia. Etc. produz clipe, através de videodança, para a banda Rua do Absurdo
      Cia. Etc. produz clipe, através de videodança, para a banda Rua do Absurdo

    Deixe um comentário

    Mensagem