Dançando na Rua do Recife
  • Dançando na Rua / FOTO: Renata Melo
    img
  •        
  • Andréa Carvalho | FOTO: Renata Melo
    img
  •        
  • Dançando na Rua / FOTO: Renata Melo
    img
  •        

No próximo domingo (26), os amantes da dança irão reviver o grande sucesso do Dançando na Rua, considerado um dos maiores projetos de dança de salão ao ar livre do país. Em sua nova temporada, o projeto volta a animar as tardes dominicais do Recife Antigo trazendo para os mais variados públicos apresentações de boleros, salsas, merengues, tangos, forrós e lambadas com a participação das escolas e grupos de dança de salão do Recife que dançarão embalados pelo som da orquestra Metais, do maestro Lima Neto, e orquestra Gafieira de Bamba, do maestro Spok.

O evento acontece a partir das 16h, na rua Vigário Tenório, no Bairro do Recife, e é promovido pela Secretaria de Turismo da Prefeitura da Cidade do Recife.  “Será uma tarde que vai entrar pela noite com muita festa”. É o que garante a idealizadora e coordenadora do projeto, a bailarina Andréa Carvalho. Além das apresentações, o público presente vai poder participar das aulas de dança de salão ministradas por dançarinos profissionais.  O Projeto Dançando na Rua surgiu na década de 90, época em que o bairro do Recife Antigo, na capital pernambucana, estava sendo revitalizado.

Foram sete anos consecutivos de apresentações e bailes todas às quintas-feiras, na rua Marquês de Olinda. Depois dessa lacuna, a programação voltou a ser exibida em 2011 com edições dentro do projeto viva Recife Antigo, na Praça do Arsenal. O projeto também já integrou o extinto circuito do frio nas cidades de Gravatá, Pesqueira, Taquaritinga do Norte e Triunfo, interior de Pernambuco.

Esse ano, diz Carvalho, já houve uma descentralização com o nome Dançando nos Bairros, também com incentivo da Prefeitura do Recife, com atividades de dança nos bairros da Macaxeira, Várzea, Alto Sta. Terezinha, Totó e Brasília Teimosa. “Nossa idéia é dar continuidade a essa descentralização do dançando na rua, levando para outras cidades pernambucanas e até em outros estados do país. Nessa nova temporada serão 21 edições, começando por essa apresentação do dia 26 e se estendendo até dezembro, sempre aos domingos.




Postado por


COMPARTILHE:

Sobre o autor
Maíra Passos

    ÚLTIMOS POSTS:

    • Espetáculos de dança fazem parte da programação do 28º Janeiro de Grandes Espetáculos
      Espetáculos de dança fazem parte da programação do 28º Janeiro de Grandes Espetáculos
    • Espetáculo O Quebra Nozes, produzido pelo Studio de Danças e Pina Ballet Hall
      Espetáculo O Quebra Nozes, produzido pelo Studio de Danças e Pina Ballet Hall
    • Os vídeos mais curtidos do Festival de Vídeos de Dança Na Ponta do PÉ!
      Os vídeos mais curtidos do Festival de Vídeos de Dança Na Ponta do PÉ!

    Deixe um comentário

    Mensagem