Inscrições abertas para o 27º Janeiro de Grandes Espetáculos
  • Teatro Luiz Mendonça | FOTO: Maíra Passos
    img
  •        
  • Teatro Luiz Mendonça | FOTO: Maíra Passos
    img
  •        

O festival realiza próxima edição no formato híbrido, com apresentações virtuais e presenciais, em teatros do Recife

Grupos pernambucanos de dança, além de teatro, circo e música, podem se inscrever para participar do 27º Janeiro de Grandes Espetáculos. As propostas artísticas serão aceitas até o próximo dia 07 , através de formulário online, com divulgação dos resultado no dia 18 de dezembro. Já o festival está marcado para acontecer entre 07 e 21 de janeiro de 2021, no Recife.

Esta edição especial será 80% online, mas contará também com apresentações nos teatros Santa Isabel, Luiz Mendonça e no Teatro do Parque, que foi reinaugurado recentemente, após reforma. Segundo a produção do festival, preservar a existência do Janeiro de Grandes Espetáculos em tempos de pandemia tornou-se uma missão complexa, porém prioritária.

Neste cenário, nasce uma edição especial, o “JGE Conecta”, abraçando o virtual ao mesmo tempo em que, atendendo às normas sanitárias, segue em formato físico. A programação compreenderá 70 atividades, entre apresentações de teatro (adulto e infância/juventude), dança, música e circo, além de lives para rodas de conversa.

NOVIDADES

A realização do 27º Janeiro de Grandes Espetáculos é da Associação de Produtores de Artes Cênicas de Pernambuco (Apacepe), sob direção geral do produtor cultural Paulo de Castro. Esta edição ganha assinatura do ator, diretor e gestor cultural José Manoel Sobrinho que, na função de gerente de programação, sinaliza três novidades para 2021. A entrada do circo como uma das linguagens oficiais do projeto; a abertura da grade para espetáculos criados em escolas de dança, teatro e circo; e a ampliação do diálogo com a produção do interior do Estado de Pernambuco.

Sobre a garantia da representatividade de obras de outras regiões pernambucanas, o JGE conta com apoio da Rede Interiorana de Produtores, Técnicos e Artistas de Pernambuco (Ripa/PE), além de trazer em sua Comissão de Seleção nomes de Arcoverde e Petrolina ao lado de representantes da RMR. Dar espaço de escuta e representatividade, aliás, também chega através de importante parceria com a Articulação e Movimento para Travestis e Transexuais de Pernambuco (Amotrans/PE).

O Conselho Consultivo, que desde 2019 contribui para a pluralidade das atividades artísticas e pensa em mecanismos para garantir a liberdade de expressão artística, estética e humana, é formado pelo ator e dramaturgo André Filho, pela atriz e professora Fátima Aguiar, pelo ator e diretor Toni Rodrigues, e pelo ator e produtor Paulo de Pontes.

HOMENAGEADOS

Nesta edição especial, oito representantes da nossa arte ganharão reverência. Na dança, o artista e pesquisador Jailson Lima, de Petrolina, e a bailarina Cláudia São Bento. Na música, o maestro Ademir Araújo e a pianista Ellyana Caldas. No teatro, o escritor e dramaturgo Ronaldo Correia de Brito e a atriz Arari Marrocos, de Caruaru. No circo social, a artista-educadora Fátima Pontes; e no circo popular, o mágico Alakazam.

Apresentado pela Prefeitura do Recife, o festival tem apoio da Cepe, Virtual, Fundação Cultural Cabras de Lampião e TV Globo, com produção geral de Paulo de Castro, produção executiva da Fervo Projetos Culturais, Roda Cultura e Cordas Cênicas, numa realização da Apacepe. Os ingressos para os espetáculos presenciais e virtuais serão vendidos a R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia).




Postado por


COMPARTILHE:

Sobre o autor
Maíra Passos

    ÚLTIMOS POSTS:

    • Neste Dia do Frevo, confira nosso TOP 5 com passistas frevando Na Ponta do PÉ!
      Neste Dia do Frevo, confira nosso TOP 5 com passistas frevando Na Ponta do PÉ!
    • Aulas de ballet 30+, conexão corporal, dança para crianças e pilates são oferecidas pela bailarina Camila Alvim, online
      Aulas de ballet 30+, conexão corporal, dança para crianças e pilates são oferecidas pela bailarina Camila Alvim, online
    • Diálogos sobre homens na dança marcam a quinta edição do projeto Mu-Dança
      Diálogos sobre homens na dança marcam a quinta edição do projeto Mu-Dança

    Deixe um comentário

    Mensagem