Performance “Por onde andam os porcos” aborda sobre o corpo capaz de suportar as adversidades do mundo
  • Por Onde Andam os Porcos | FOTO: Rhaiza Oliveira
    img
  •        
  • Por Onde Andam os Porcos | FOTO: Rhaiza Oliveira
    img
  •        
  • Por Onde Andam os Porcos | FOTO: Rhaiza Oliveira
    img
  •        
  • Por Onde Andam os Porcos | FOTO: Rhaiza Oliveira
    img
  •        
  • Por Onde Andam os Porcos | FOTO: Rhaiza Oliveira
    img
  •        
  • Por Onde Andam os Porcos | FOTO: Rhaiza Oliveira
    img
  •        

As apresentações, que acontecem entre 30/07 e 03/08, na Galeria Janete Costa (Recife, PE)  

A performance “Por Onde Andam os Porcos” ocupa a galeria Janete Costa (Parque Dona Lindu) em sua nova temporada. A montagem fica em cartaz nos dias 30 e 31 de julho e 02 e 03 de agosto, sempre às 19h 0. A partir de uma releitura da imagem comum do “porco capitalista”, o trabalho convida a pensar o lugar centralizado do opressor, entendendo a humanidade como seres políticos, como indivíduos responsáveis por manter o mundo como nos foi dado, a macro e microestruturas em funcionamento. Uma sociedade que persegue a lógica 24/7, autorregulada e em eterno funcionamento.

Para falar sobre as questões que envolvem o corpo, supõe-se que com os corpos que “vivemos-somos”, não será possível suportar a ruína criada por nossa própria humanidade. Por isso, a performance convoca, nessa ficção, a gênese de um corpo outro. “O que é possível agora? Precisamos permanecer aqui? Ficamos e assistimos a nossa ruína, sabendo que o mundo funcionará sem a humanidade? Se esse mundo já ruiu, é possível construir outro? ”, são algumas questões levantadas.

“Por Onde Andam Os Porcos” tem direção-geral de Kildery Iara e direção de arte de Iagor Peres. Iara, com atuação nas artes do agora, em especial a dança, é interessada na investigação do movimento, nas artes integradas. Iagor tem forte atuação nas artes visuais, com interesse nas densidades e substâncias (materialidades) visíveis e invisíveis que compõem as relações no espaço. Essa colaboração traz para o trabalho o desafio de uma possível dramaturgia que propõe a condição de livre apreciação de uma exposição em galeria, num trabalho cênico.

Interpretada e criada pelos artistas Júnior Foster, Kildery Iara, Marcela Aragão Meujael Gonzaga e Natalie Revorêdo, a performance propõe, a partir de jogos e improvisos dirigidos, metáforas corporais que lidam com essas questões, sendo geridas e a cada dia reformuladas pelos criadores-intérpretes. “Com o seu espaço existencial nitidamente consciente (porque esse é o mundo como nos foi dado), uma comunidade se entende coesa, pois a relação funcional de um elemento com o outro, ganha uma expressão espacial justo no limite que a emoldura”, diz a diretora geral da obra, Kildery Iara.

A montagem conta ainda com o incentivo do Fundo Pernambucano de Incentivo à Cultura (Funcultura PE), através da Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe), Secretaria de Cultura de Pernambuco (Secult-PE) e Governo de Pernambuco.

Os ingressos para conferir o espetáculo custam R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia) e a venda antecipada está disponível na plataforma Sympla. A classificação para assistir a obra é de 18 anos. A galeria Janete Costa fica no Parque Don Lindu, na Avenida Boa Viagem, s/n, Boa Viagem (Recife,PE). Mais informações: (81) 98236.3777.

FICHA TÉCNICA

Direção Geral: Kildery Iara
Direção de Arte: Iagor Peres
Produção: Danilo Carias (Criativo Soluções)
Interpretes criadores: Júnior Foster, Kildery Iara, Marcela Aragão, Meujael Gonzaga e Natalie Revorêdo
Figurinos: Meujael Gonzaga
Iluminação: Natalie Revorêdo
Objetos de cena: Iagor Peres e Meujael Gonzaga
Ambiência sonora: Hugo Coutinho
Preparação física: Priscila Araújo
Operador de projeção: Iagor Peres

SERVIÇO

Por onde andam os porcos
Classificação: 18 anos
Quando: 30/07, 31/07, 02/08 e 03/08 de 2019
Onde: Galeria Janete Costa, no Parque Dona Lindu – Avenida Boa Viagem, s/n, Boa Viagem (Recife, PE)
Horário: sempre às 19h30
Ingressos: venda antecipada através da plataforma Sympla
Valor: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia)
Informações: (81) 98236.3777

 




Postado por


COMPARTILHE:

Sobre o autor
Aline Antunes

ÚLTIMOS POSTS:

  • Ballet Fernanda D’Angelo celebra a amizade com o espetáculo Toy Story Dance
    Ballet Fernanda D’Angelo celebra a amizade com o espetáculo Toy Story Dance
  • Na Ponta do PÉ completa 7 anos noticiando dança
    Na Ponta do PÉ completa 7 anos noticiando dança
  • Espetáculo Reset, do Espaço Endança, propõe resgate da infância
    Espetáculo Reset, do Espaço Endança, propõe resgate da infância

Deixe um comentário

Mensagem