Projeto vai mapear a dança nas capitais brasileiras
  • Pesquisa sobre a dança nas capitais brasileiras
    img
  •        
  • Pesquisa sobre a dança nas capitais brasileiras
    img
  •        
  • Pesquisa sobre a dança nas capitais brasileiras
    img
  •        
  • Pesquisa sobre a dança nas capitais brasileiras
    img
  •        

Indivíduos, grupos e instituições de dança podem participar da pesquisa até o dia 11 de agosto, através do site do projeto

O projeto “Mapeamento da dança nas capitais brasileiras” realiza cadastro até o dia 11 de agosto de bailarinos, grupos e instituição de dança em oito capitais, incluindo o Recife. Interessados podem participar da pesquisa através do site do programa. A iniciativa surgiu no âmbito do Colegiado Setorial de Dança (CNPC/MINC) como uma ação prioritária de diagnóstico da área, cuja primeira etapa se tornou realidade através de assinatura de Termo de Cooperação Técnica entre a UFBA e a FUNARTE/MINC.

A ideia é identificar agentes da dança (indivíduos, grupos e instituições) que atuam nas áreas de formação e produção artística. Além de informações cadastrais básicas, serão coletados dados quali-quantitativos desses agentes, visando a construção de um panorama da dança que abrangerá aspectos da dimensão social, econômica e artística da área.

A pesquisa está sendo desenvolvida pelo grupo de pesquisa PROCEDA (Processos Corporeográficos e Educacionais em Dança), com coordenação geral da Profa. Dra. Lúcia Matos (PPGDança – UFBA), através de uma rede composta por pesquisadores de nove universidades: UNESPAR Campus Curitiba II, UNESP, UFRJ, UFPE, UFC, UFPA, UFG e UPE. Estão envolvidos 20 pesquisadores, um técnico e 33 alunos de graduação, oriundos de nove universidades.

Como resultados do projeto, será gerado um banco de dados público com informações básicas dos informantes que permitirem a divulgação e uma publicação digital com um diagnóstico sobre a formação e a produção em dança nas capitais brasileiras, levando em consideração os multifacetados modos de organização, processos e configurações da dança no país. Esses dados serão triangulados com as diretrizes e ações propostas no Plano Nacional da Dança (MINC/ CNPC, 2010).

Cada uma das capitais tem uma equipe local. No Recife, a equipe é formada por uma coordenação, Profa. Dra. Roberta Ramos Marques (UFPE); uma pesquisadora, a Profa. Dra. Adriana Gheres (UPE); e 6 estudantes do curso de Licenciatura em Dança da UFPE. O grupo conta com os apoios locais da Prefeitura do Recife, da Secretaria de Cultura do Governo do Estado de Pernambuco, da Mostra Brasileira de Dança e do Paço do Frevo, estando disponíveis para dirimir dúvidas e dar maiores informações sobre o funcionamento do projeto no município através do e-mail mapeamentodanca.nucleorecife@gmail.com.




Postado por


COMPARTILHE:

Sobre o autor
Maíra Passos

    ÚLTIMOS POSTS:

    • Na Ponta do PÉ produz série sobre a dança pernambucana na pandemia
      Na Ponta do PÉ produz série sobre a dança pernambucana na pandemia
    • Cia. de Teatro e Dança Pós-Contemporânea  d’Improvizzo Gang estreia o filme “Café”
      Cia. de Teatro e Dança Pós-Contemporânea d’Improvizzo Gang estreia o filme “Café”
    • Projeto Corpoesia traz série de videodanças inspirada na obra do poeta França de Olinda
      Projeto Corpoesia traz série de videodanças inspirada na obra do poeta França de Olinda

    Deixe um comentário

    Mensagem