Residência artística na Colômbia vira projeto visual e é apresentado em site
  • Papas Like Me | FOTO: Sérgio Andrade
    img
  •        
  • Performar_Materiales | FOTO: Monica Restrepo
    img
  •        

Os artistas Iara Sales, Sérgio Andrade e Tonlin Cheng trazem o “Rehacer – 10 años después em Lugar a Dudas” com vídeo-depoimento, textos e imagens

Já estão disponíveis os resultados do projeto “Rehacer – 10 años después en Lugar a Dudas”, desenvolvido pelos artistas Iara Sales, Sérgio Andrade e Tonlin Cheng durante resistência artística na Fundação Lugar a Dudas, em Cali, na Colômbia. O projeto contou com ações de pesquisa, criação artística e difusão tais como grupo de estudos e realização de workshop. Os resultados podem ser encontrados no site labcritica.com.br/rehacer-lad/ e são apresentados em vídeo-depoimento, textos e imagens.

Durante a residência artística no país, os três se encontraram com artistas locais de Cali e outros residentes para investigar dança, performance, vídeo e instalação. Os estudos contaram com discussões sobre referências teóricas e experimentos de práticas corporais.

Este projeto possibilitou o retorno dos artistas a Cali dez anos depois da primeira experiência na cidade, quando tiveram seus arquivos roubados no aeroporto. O material fazia parte do projeto de vídeo “Ilesos, nos vemos ou nos vemos ilesos” (2008), dirigido por Sérgio Andrade, com participação de mais de 15 artistas de Cali. Partindo dessa experiência, os artistas retornaram a Colômbia dez anos depois para reativar memórias, re-trabalhar caminhos, re-performar danças.

Foi a partir da experiência de perda de arquivo que os artistas forjaram um novo retorno à Colômbia, dez anos depois, buscando investigar a noção de reenactment como um procedimento performativo para reativar memórias, re-trabalhar caminhos, re-performar danças: rehacer la experiencia en lugar a dudas – jamás como antes, pero siempre como de nuevo, transcriando imagens, narrativas e ficções.

Iara, Sérgio e Tonlin são integrantes do Laboratório de Crítica (LabCrítica), laboratório de pesquisa e extensão da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e tiveram incentivo do Fundo Pernambucano de Incentivo à Cultura (Funcultura PE). Na Fundação Lugar a Dudas, os artistas desenvolveram performace e série. Em Cali, eles apresentaram um espetáculo que depois virou turnê e rodou alguns países da America Latina.




Postado por


COMPARTILHE:

Sobre o autor
Aline Antunes

    ÚLTIMOS POSTS:

    • Para falar de balé clássico, bailarina e publicitária criou um “Mundo Bailarinístico”
      Para falar de balé clássico, bailarina e publicitária criou um “Mundo Bailarinístico”
    • Primeira pós-graduação em Ensino do Balé Clássico do Brasil inicia em novembro
      Primeira pós-graduação em Ensino do Balé Clássico do Brasil inicia em novembro
    • Cia. Etc. produz clipe, através de videodança, para a banda Rua do Absurdo
      Cia. Etc. produz clipe, através de videodança, para a banda Rua do Absurdo

    Deixe um comentário

    Mensagem