Festival de Vídeos de Dança “Na Ponta do PÉ”: 1º DIA
  • Trindade, de Lin Caetano
    img
  •        
  • Corpos de Duas, de Maria Eduarda e Giselly Andrade
    img
  •        
  • Rua dos Artistas, de Samira Marana
    img
  •        
  • Jacqueline Colares
    img
  •        

O primeiro dia do nosso festival traz a exibição das videodanças Trindade, Corpos de duas, Rua dos Artistas e de Jacqueline Colares

A primeira edição do Festival de Vídeos de Dança Na Ponta do PÉ estreia nesta sexta (03), com a exibição de quatro videodanças: Trindade, de Lin Caitano (PE), Corpos de Duas, de Maria Eduarda e Giselly Andrade (PE), Rua dos Artistas, de Samira Marana (SP/RJ) e de Pole dance, com Jacqueline Colares (PE).

Nosso festival vem para celebrar os 9 anos da Na Ponta do PÉ, com o objetivo de levar dança sempre para mais pessoas. ❤️ Ao todo, serão exibidos 26 vídeos, até o próximo dia 09. Porém, até o dia 17, você pode dar seu voto, curtindo suas danças preferidas. Os vídeos mais curtidos serão premiados.

A seguir, confira as videodanças deste primeiro dia de festival!

Trindade, de Lin Caitano – Cia. Paranã-puco (PE)

SINOPSE:

Com a proposta de exaltar as riquezas históricas e culturais do município de Paudalho nasce “Trindade”. TRINDADE é uma pesquisa espetáculo que faz um recorte de três grandes pontos importantes da cultura Paudalhense: o Polo de Romaria de São Severino dos Ramos, a Monocultura da Cana de Açúcar e a Fabricação de Artigos Cerâmicos para a Construção Civil.

Uma Fusão artística-cultural interligando o viés econômico da Cidade do Paudalho, através dos três recortes citados. O nome da proposta dançada foi escolhida em alusão a doutrina cristã da TRINDADE (do latim trinitas “tríade”, de trinus “tripla”) que define Deus como três pessoas consubstanciais, expressões ou hipóstases: o Pai, o Filho (Jesus Cristo) e o Espírito Santo; “um Deus em três pessoas”.

As coreografias foram pensadas em dramatizar as diferentes formas de manifestações corporais do homem em seu oficio. Buscando, levar para a cena, as macro e micropolíticas/filosóficas da sociedade sobre o corpo no seu fazer artístico.

FICHA TÉCNICA:

Direção geral: Lin Caitano
Direção de imagem e vídeo: DH Ferreira
Coreografia: Lin Caitano
Criação de figurino: Lin Caitano
Produção de figurinos: Dileide Caitano
Pesquisa: Cia Paranã-puco

CONTATOS DOS ARTISTAS:

Lin Caitano: instagram.com/lincaitano
DH Ferreira: instagram.com/dh.foto
Cia Paranã-puco: instagram.com/paranapuco

Corpos de duas, de Maria Eduarda e Giselly Andrade (PE)

SINOPSE:

O projeto “Corpos de Duas” mergulha no universo de criação de duas dançarinas pernambucanas que desenvolveram um produto artístico a partir do desdobramento de investigação de uma dança com condução compartilhada e disruptiva, em que o papel de conduzir e ser conduzida se fundem na construção de corpos dançantes que vão além dos gêneros e papéis pré-estabelecidos no executar.

A obra consiste no desenvolvimento de uma coreografia e registros dos treinos e laboratórios de pesquisa. Respeitar a singularidade e potencializar a vivência de cada uma em si diferentes, foram as premissas para a criação de uma dança feita com “corpos de duas”.

FICHA TÉCNICA:

Intérpretes criadoras: Giselly Andrade e Maria Eduarda
Idealização: Giselly Andrade
Colaboração: Maria Eduarda
Filmagem e edição: Rogerio Alves 423
Realização: Uno – Espaço Criativo de Dança
Projeto de iluminação: Cleison Ramos – Farol de Luz Ateliê

CONTATOS DAS ARTISTAS:

Maria Eduarda: instagram.com/maria_rsc
Canal no Youtube
Giselly Andrade: instagram.com/andradegiselly
andradegiselly.wixsite.com/gisellyandrade
Canal no Youtube

Rua dos Artistas, de Samira Marana (SP/RJ)

SINOPSE:

Rua dos Artistas, Vila Isabel, Rio de Janeiro. Brasil 2020. Vídeo sobre as inquietações do artista brasileiro durante o isolamento social causado pela pandemia de Covid-19, suas inquietações, medos e teimosias.

FICHA TÉCNICA:

Coreografia e interpretação: Samira Marana
Trilha sonora, imagem, edição, paisagem sonora e sousafone: Guto Souza

CONTATOS DA ARTISTA:

Instagram: instagram.com/sameeramarana
Youtube: youtube.com/sammarana1

Pole dance, de Jacqueline Colares (PE)

SINOPSE:

Uma cigana em luto por um amor perdido, entre tantas dores ela descobre a força interior, a luz, a inspiração, a energia e o amor próprio. E é quando ela pensa que perdeu tudo, ela desenvolve sua melhor versão.

FICHA TÉCNICA:

Artista: Jacqueline Colares
Filmagem: SomaFilmes

CONTATO DA ARTISTA:

Instagram: instagram.com/jacqueline.colares

Confira também o que vai ser exibido nos próximos dias! =)

Programação do Festival de Vídeos de Dança Na Ponta do PÉ





Postado por


COMPARTILHE:

Sobre o autor
Maíra Passos

    ÚLTIMOS POSTS:

    • Espetáculos de dança fazem parte da programação do 28º Janeiro de Grandes Espetáculos
      Espetáculos de dança fazem parte da programação do 28º Janeiro de Grandes Espetáculos
    • Espetáculo O Quebra Nozes, produzido pelo Studio de Danças e Pina Ballet Hall
      Espetáculo O Quebra Nozes, produzido pelo Studio de Danças e Pina Ballet Hall
    • Os vídeos mais curtidos do Festival de Vídeos de Dança Na Ponta do PÉ!
      Os vídeos mais curtidos do Festival de Vídeos de Dança Na Ponta do PÉ!

    Deixe um comentário

    Mensagem